A importância da segunda língua no ramo editorial

O ano de 2018 parece que será um ano de enormes altos e baixos, para aqueles que trabalham na produção de revistas e guias, uma pergunta vem à cabeça: Como manter a empregabilidade ou como ampliá-la ? Para os editores : Como manter minha publicação interessante num mundo digital e cada vez mais globalizado?

Sabemos que os profissionais são constantemente avaliados em suas habilidades, não apenas no que se refere a conhecimento em suas áreas de atuação mas também o quanto são capazes de percorrer diferentes caminhos em diferentes ambientes. Na era digital, onde praticamente todos tem acesso à informação, poucos são hábeis em apodeirar-se de informação e transformá-la em conhecimento, tampouco aplicar informação acessada em suas atividades corporativas.

Aptidão para comunicar-se tanto digitalmente quanto diretamente com representantes de companias internacionais é um dos muitos requisitos do mundo empresarial. Saber o momento certo para criticar, usar linguagem adequada e eficiente para liderar, representar sua empresa em eventos, em negociações, abraçar uma oportunidade de participar de um treinamento em qualquer filial de sua empresa, ou até estender sua formação estudando em outro país. São tantas as situações nas quais profissionais são solicitados a se comunicar efetivamente que o domínio de idiomas certamente é parte atenuante num processo de seleção, numa negociação, num evento de vendas.

Profissionais de qualquer área e de qualquer nível hierárquico devem dominar ao menos uma língua internacional, como espanhol e inglês, sem dúvida a ideia de um tradutor virtual se torna cada vez mais fantasiosa. Ser capaz de se comunicar em mais de um idioma não é só um diferencial no mercado de trabalho, como também um benefício cognitivo pois desenvolve memória, torna o indivíduo mais opinativo, fortalecendo suas habilidades para tomar decisões e de se expressar textualmente. Necessidade essa latente em áreas em que a comunicação pública é constante como nos ramos editorial, de publicidade, de eventos, e de gerenciamento, entre outros.

Priorize os itens de sua lista de promessas de ano novo, foque naquelas que possibilitarão ascensão em seu ambiente de trabalho, tendo em mente que satisfação, realização, comemoração, e muitos outros desejos, serão consequência de dias bem vividos. Quando você se prepara para suas tarefas, elas acontecem com mais suavidade, com menos estresse, ao final seus momentos serão em maior parte prazerosos.

 


 

 

Shirley Paiotti
Coordenadora em Communication & Language


Professora de inglês para negócios, combina conhecimento de idiomas com experiência profissional em áreas gráfica e de TI . Antes de definir que deveria dedicar-se exclusivamente ao ensino, trabalhou em indústria de embalagens flexíveis e em software-house. Formada pelo SENAI Theobaldo de Nigris, graduada em Letras pela universidade São Marcos e wm Tecnologia em Mecânica pela FATEC-SP, com Mestrado em Comunicação, já residiu e lecionou fora do Brasil. Aplica anos de experiência no ensino atendendo necessidades de profissionais dos mais variados ramos profissionais.

 

Quer Aprender Inglês ou precisa de traduções profissionais ?

http://www.ingles-vivo.blogspot.com.br 

 

Informações adicionais